Prefeito de Boa Vista do Ramos descumpre estatuto ao afastar professores

Os professores Marques Cesar e Sérgio Freitas, denunciaram ontem o prefeito de Boa Vista do Ramos, Elmir de Lima Mota, por tê-los afastados das funções e não estar pagando o salário mensal ao que os professores têm direito, segundo estatuto da categoria. Os dois, segundo documento enviado ao portal flagrante, teve como motivação a atitude dos professores em criticar a administração do prefeito. Maques e Sérgio negam as acusações, e disseram que o caso é de perseguição política por parte do prefeito. Os dois estão afastados das salas de aula desde o último dia 5 de julho.

Eles trabalhavam nas escolas Tiradentes e Nossa Senhora da Conceição do Aningá, distante 20 km da sede do município. “Nós queremos que o prefeito cumpra o que está no regimento interno que diz que o afastamento tem que ser remunerado.”, disse.
Eles foram enquadrados no artigo 132, que diz que o funcionário público ‘não pode se reportar de modo depressivo ou sair do expediente sem comunicação prévia’.

Os dois professores procuraram o setor jurídico do Sindicato dos Trabalhadores do Estado do Amazonas (Sinpeam), para receber os salários. “Nós estamos passando por necessidades e nossas famílias também. Queremos que o prefeito cumpra o que rege o estatuto do servidor publico”, desabafou Marques César.

Fonte: Canal Itacoatiara

Nenhum comentário