Assassinos de ex-prefeitos devem ir a julgamento em breve

O vice-prefeito de Boa Vista do Ramos, José Carlos Matos de Oliveira, o Carlinhos (PT), foi morto no dia 31 de dezembro de 2006

Aten­dendo a nova pon­der­ação do dep­utado fed­eral Sabino Castelo Branco (PTB), o vice-pres­i­dente do Tri­bunal de Justiça do Ama­zonas, de­sem­bar­gador Domingos Chalub, disse que o Tri­bunal está ag­ilisando pro­cessos que podem pre­screver e deixar os seus acu­sados im­punes. Dentre esses, estão quatro pro­cessos com mo­ti­vação política - o do prefeito Adiel San­tana
(Novo Aripuanã), do prefeito Fran­cisco Araújo (Itapi­ranga), do vice-prefeito Car­linhos (Boa Vista do Ramos) e do prefeito
Odar José (Coari), todos as­sas­si­nados. No caso do úl­timo, o pro­cesso deve cam­inhar mais célere nas próx­imas se­m­anas, quando ter­mina o prazo para a re­la­tora do caso, de­sem­bar­gadora En­car­nação Sal­gado. ap­re­sentar seu parecer. O prefeito Odar José foi as­sas­si­nado em  13 de agosto de 1995, após dis­cussão com o ex-vereador Ar­naldo Mi­toso, hoje prefeito-tampão, que o alvejou com dois tiros. A im­agem de Odar José mor­rendo, pode ser vista até hoje numa rede so­cial da in­ternet. O pro­cesso es­tava par­al­isado, há bas­tante tempo, em Co­dajás, para onde tinha sido de­saforado. "Os crimes pre­screvem em 20 anos e, como ess acon­teceu em 13 de agosto de 1995, há, ainda, algum tempo para julgar os acu­sados pelo crime", destaca o vice-pres­i­dente do TJA.

Fonte: Blog da Floresta

Nenhum comentário