Tony defende que linhão de Tucuruí chegue a Parintins e outros municipios

Boa Vista do Ramos está inclusa na indicação para que o linhão atenda mais municípios.

Dep. Tony Medeiros
O deputado Tony Medeiros defendeu nesta terça-feira (22), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), que o linhão de Tucuruí, que vai levar energia elétrica a várias localidades do Amazonas, seja estendido aos municípios de Parintins, Barreirinha, Boa Vista do Ramos e Maués. O parlamentar apresentou hoje (22) uma indicação ao ministro de Minas e Energia, Édson Lobão, para que estude a possibilidade de estender o linhão a todas as localidades à margem direita do rio Amazonas. “Os jornais divulgaram que o linhão vai atender apenas as cidades do lado esquerdo do rio Amazonas. Queremos estender o linhão para as cidades da margem direita”, explicou Tony.
O linhão de Tucuruí terá extensão de 2,6 mil quilômetros, com transmissão de energia elétrica cortando a floresta amazônica, ligando os Estados do Amazonas, Pará e Amapá. “Para levar o linhão à Parintins e outros municípios será necessária a ampliação da linha em cerca de 30 quilômetros”, calcula Tony. “É uma extensão pequena se comparado os benefícios trazidos a vários municípios”, acrescentou.
De acordo com dados do Ministério de Minas e Energia, o linhão de Tucuruí terá capacidade de 730 mil voltz, permitindo dobrar a capacidade de energia destinada ao Amazonas. “Com energia abundante e confiável, podemos substituir as atuais termelétricas que geram energia à base de óleo diesel”, defende Tony.
Além de oferecer energia elétrica a preços mais baixos aos consumidores, a desativação das usinas termelétricas diminuirá a poluição sonora e atmosférica em vários municípios. “O benefício será sentido não apenas no bolso, mas na melhoria da qualidade de vida dos moradores destas localidades”, ressaltou Tony.

Tony cobra promessa feita pelo ex presidente Lula

Ao defender a extensão do linhão de Tucuruí para a margem direita do rio Amazonas, o deputado lembrou que o ex presidente Lula, durante visita ao município de Parintins em 2003, prometeu resolver o problema de falta de energia elétrica naquela região. “A verba destinada à extensão passou a constar no orçamento do ano de 2005. Temos que tirar o projeto do papel e atender as necessidades destas localidades”, disse Tony.
No próximo mês, o parlamentar quer mobilizar a bancada de deputados amazonenses na Câmara Federal para uma reunião com o ministro Édson Lobão. A reunião deve acontecer em março e ter a participação dos prefeitos de Parintins, Barreirinha, Boa Vista do Ramos e Maués. “Vamos mobilizar políticos e a sociedade para juntos convencermos o Governo Federal da necessidade de ampliarmos o linhão para outras cidades”, planeja o deputado.

Fonte: Amazonasnoticias

Nenhum comentário